[Resenha] Dançando Sobre Cacos de Vidro - @editoraarqueiro

11 novembro 2013
Nome: Dançando sobre cacos de vidro
Autor(a): Ka Hancock
Páginas: 336
ISBN: 9788580412079
Editora: Arqueiro
Ano de lançamento: 2013
Comprar: Saraiva

Lucy Houston e Mickey Chandler não deveriam se apaixonar. Os dois sofrem de doenças genéticas: Lucy tem um histórico familiar de câncer de mama muito agressivo e Mickey, um grave transtorno bipolar. No entanto, quando seus caminhos se cruzam, é impossível negar a atração entre eles. 
Contrariando toda a lógica que indicava que sua história não teria futuro, eles se casam e firmam – por escrito – um compromisso para fazer o relacionamento dar certo. Mickey promete tomar os remédios. Lucy promete não culpá-lo pelas coisas que ele não pode controlar. Mickey será sempre honesto. Lucy será paciente. 
Como em qualquer relação, eles têm dias bons e dias ruins – alguns terríveis. Depois que Lucy quase perde uma batalha contra o câncer, eles criam mais uma regra: nunca terão filhos, para não passar adiante sua herança genética. 
Porém, em seu 11° aniversário de casamento, durante uma consulta de rotina, Lucy é surpreendida com uma notícia extraordinária, quase um milagre, que vai mudar tudo o que ela e Mickey haviam planejado. De uma hora para outra todas as regras são jogadas pela janela e eles terão que redescobrir o verdadeiro significado do amor.
Dançando sobre cacos de vidro é a história de um amor inspirador que supera todos os obstáculos para se tornar possível.

Preparem os lenços... Esse é um dos livros mais lindos que já li, porem um dos mais tristes. Depois que li "A culpa é das estrelas" procurei um livro que fizesse com que eu tivesse mais ou menos a mesma sensação, um livro real, não digo de histórias baseadas em fatos reais, não, mais sim um livro com histórias que se apróximem da realidade, com fatos que podem acontecer com qualquer pessoa. E foi exatamente isso que sentir ao ler "Dançando sobre cacos de vidro".

Confesso que de inicio não estava muito animada, e demorei um pouco para conseguir ler esse livro, pois já sabia mais ou menos como a história ia terminar. O livro conta a história de Lucy e Mickey, um casal normal, no entanto com alguns problemas e certas limitações.

Mickey tem uma grave doença psicológica, o transtorno bipolar, ele cresceu vendo sua mãe passar por desequilíbrios de bipolaridade e a perdeu por conta disso. Isso fez com que Mickey crescesse arruinado e sempre travando uma batalha com a mesma doença. Já Lucy tem um histórico familiar de cancêr de mama, todas as mulheres de sua familia morreram por conta da doença, ela mesma quase morre. 

Os dois se conheceram durante a festa de aniversário de 21 anos de Lucy, preparada por sua irmã Lily em uma casa de show de Mickey, e imediatamente ficaram encantados um com o outro. No entanto Mickey sempre acha que nunca pode se envolver com ninguém por conta de sua bipolaridade, mas se apaixona perdidamente por ela. Lucy, ao contrário, teve certeza desde o início de que amava Mickey profundamente e que sem ele não poderia viver. 

"Lucy me amava mesmo com parafusos soltos, peças sobressalentes e partes danificadas. Ela amava o pacote todo - dizia que devia ser assim ou não faria sentido me amar."

Aós algum tempo, depois de se casarem e lutarem juntos para vencer a batalha contra a doença de Lucy, os dois decidem que nunca terão filhos para não transmitir sua herança genética para eles, com isso, Lucy resolve fazer a ligação de trompas, no entanto depois de mais algum tempo, algo inesperado acontece e Lucy acaba engravidando, a partir dai ela e Mickey vão ter que reaprender a viver.

Eu simplesmente amei o livro, como disse no inicio, esse é um dos romances mais lindos que já li. "Dançando sobre cacos de vidro" é o primeiro livro que leio da autora Ka Hancock e posso dizer que virei fã dela. Ka consegue nos prender do inicio ao fim.

P.S.: Queria falar mais sobre o livro, porem se fizer isso darei spoiler...



3 comentários:

  1. Adorei a resenha!! Esse livro parece ser muito bom *-*

    Bjs
    de-livro-em-livro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Matheus!
      Obrigada! Sim, é um livro muito bom mesmo, tenho certeza de que se for ler vai gostar muito :)

      Beijos!

      Excluir
  2. Oiii!! Tudo bom? Lembra-se de mim? Acho que não né? Pudera! Estou há tanto tempo sumida! Kkkkk
    Passei aqui rapidinho pq vc é uma das bloggeiras que eu adoro e parceira do meu antigo Abrindo os livros... Não, eu não o exclui, apenas mudei o nome e o link. Agora ele se chama CEMITÉRIO DOS LIVROS ESQUECIDOS. Poderoso hein? Kkkk Foi inspirado em um livro, que você com toda a certeza deve ler algum dia!
    Bem, desculpe não comentar a postagem, mas foi rápido só para explicar hehe
    Muitos xerus
    Gabi
    (http://cemiterio-dos-livros-esquecidos.blogspot.com/)

    ResponderExcluir

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!