18 setembro 2017

[Resenha] Meus dias com você - @editoraarqueiro

Nome: Meus dias com você
Autor(a): Clare Swatman
Páginas: 288
ISBN: 9788580417401
Editora: Arqueiro
Ano de lançamento: 2017
Comprar: Amazon, Saraiva

Quando o marido de Zoe morre, o mundo dela desaba. Mas e se fosse possível tê-lo de volta?
Numa fatídica manhã, Ed e Zoe têm uma discussão terrível, algo recorrente no seu casamento em crise, e ela acaba se despedindo de forma brusca quando ele sai para o trabalho.
Pouco tempo depois, um ônibus acerta a bicicleta de Ed, matando-o e deixando Zoe arrasada por não ter lhe dito quanto o amava. Se tivessem ficado mais um pouco juntos aquela manhã, ele ainda estaria vivo? Será que poderiam ter reconstruído o amor que os unira?
Após dois meses, Zoe ainda não conseguiu se conformar. De luto, decide cuidar do jardim do marido, quando acaba caindo e desmaiando. Então, algo estranho acontece: ao acordar, ela está em 1993, no dia em que conheceu Ed na faculdade.
A partir desse instante, Zoe passa a reviver momentos cruciais de sua vida e percebe que talvez tenha conseguido uma segunda chance: uma oportunidade de fazer tudo diferente, de focar naquilo que realmente importa, de mudar os rumos do relacionamento – e, quem sabe, o destino de seu grande amor.(SKOOB)

Em seu livro de estreia, Clare Swatman nos apresenta um romance lindo e delicado, capaz de arrancar suspiros de muitos leitores.

Logo no inicio do livro nos deparamos com Zoe no funeral de seu marido Ed que foi morto num acidente. Dois meses depois, Zoe ainda sofrendo as dores da partida de seu marido, ela cai, bate a cabeça e misteriosamente acorda numa manhã de 1993. 

No entanto, não é uma manhã qualquer, é o dia de sua ida para a faculdade, onde ela conheceu Ed.


No início Zoe acha que aquilo só pode ser um sonho, afinal de contas ninguém é capaz de voltar no tempo. Porém, depois de um tempo revivendo aquilo tudo. A primeira coisa que Zoe procura quando acorda é um calendário para saber em que ano está ou se tinha voltado para os dias atuais.


"A ideia de não ter Ed ao meu lado me enchia de pavor. Seria como viver uma vida pela metade."

Desse jeito vamos conhecendo um pouco do relacionamento dos dois e de como tudo começou. Preciso dizer que me apaixonei pelo livro logo nas primeiras páginas. A morte de Ed me deixou devastada e já imaginei o quanto sofreria lendo. E apesar de saber o que aconteceria e ficar com aquela sensação de "eu já li isso antes", não tinha muita certeza.


Eu me apaixonei pela leitura, me apaixonei pelos personagens e foi praticamente impossível para mim não criar expectativas em relação ao que Zoe estava vivendo, ou revivendo. Confesso que foi uma leitura que me emocionou muito. Sem dúvida alguma "Meus dias com você" é daqueles livros em que você se coloca no lugar no do personagem e começa a refletir sobre muitas coisas.


É um romance que foi muito bem escrito e desenvolvido, a escrita da autora é fluida, de modo que não conseguimos largar até saber o que acontece. Para quem gosta de romances no estilo Nicholas Sparks e Cecelia Ahern, esse livro é perfeito.

Esse livro foi uma cortesia da editora.

Beijos!

5 comentários:

  1. Que livro fofo, parece ser uma gracinha ainda mais que você se paixonou por ele e pelo personagem! Vou por na minha (interminável) lista de leitura.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Eu li e achei bem ok, sinceramente, esperava mais da obra, porém para conhecer a escrita da Clare foi uma ótima experiência. Esse livro lembra muito o Uma Curva do Tempo, da conterrânea Dani Atkins.

    ResponderExcluir
  3. Oi Fernanda!
    Eu li Meus Dias com Você e não curti muito. É uma história interessante mas achei Zoe muito egoísta, focada nela mesma e na busca implacável pelo marido morto sem dar chances a quem está do lado dela. Mas o romance é bem gostosinho mesmo.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Desde a primeira vez que bati o olho nesse livro, sabia que eu ia amar, agora sabendo do que se trata, fiquei ainda mais empolgada. Adoro essas voltas no tempo, e saber que vou me emocionar com a Zoe e Ed, sem falar que essa capa tá linda demais. Arqueiro como sempre fazendo um trabalho lindo. bjs

    ResponderExcluir
  5. poxa,fiquei curiosos com o lance de "talvez ter voltado no tempo" é uma ideia q se bem explorada rende boas histórias, dica anotada

    ResponderExcluir

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!