[Resenha] A Escolha - @editoraarqueiro

26 agosto 2016

Nome: A Escolha
Autor(a): Nicholas Sparks
Páginas: 240
ISBN: 978-8580414936
Editora: Arqueiro
Ano de lançamento: 2016
Comprar: Submarino, Americanas

A escolha levanta uma das questões mais difíceis da vida: até onde você iria em nome de um amor verdadeiro?

Para Travis Parker, felicidade é estar com a irmã e os amigos, viajar, andar de moto e praticar esportes radicais. Ele nunca teve um relacionamento amoroso sério, mas não sente falta disso. Para ele, sua vida já está completa.

Pelo menos até conhecer Gabby Holland, a bela médica que acaba de se mudar para a casa ao lado em busca de felicidade e independência.

Mas conquistá-la não será tão simples. A jovem tem namorado e fica muito confusa com os sentimentos que o vizinho lhe desperta. E, depois de um fim de semana em especial, ela terá que tomar uma decisão.

Mostrando que sentimentos imprevisíveis levam a caminhos surpreendentes, Nicholas Sparks mais uma vez constrói personagens sensíveis e cenas emocionantes que trazem tanto sorrisos como lágrimas num espaço de poucas páginas.

Há um tempo atrás eu disse para mim mesma que não leria nenhum outro livro desse autor, por motivos de ele matar os personagens mais queridos e fazer nós leitores sofrer.

Mas quando assisti ao filme "A Escolha", minha opinião mudou totalmente da água para o vinho. Por simplesmente a história apresentar algo bastante diferente daquilo que esperava ou o que estamos acostumados quando o assunto é Nicholas Sparks.


Em "A Escolha" vamos conhecer Travis Parker, um homem comum com a vida que qualquer um outro queria ter, seguir carreira na profissão que ama, uma casa a beira-mar, estabilidade financeira, uma família maravilhosa e acima de tudo, a tranquilidade de poder viver em paz.

Travis tem uma vida muito ativa, ele ama esportes, viajar e passar os finais de semana com seus amigos (já casados) e seus filhos, ah ele ama aquelas crianças.


Do outro lado da casa de Travis vamos conhecer Gabby (sim eles são vizinhos). Gabby é assistente médica e trabalha na pediatria do hospital incansavelmente. Mas diferente das mulheres da época, ela conquistou a independência muito cedo, saindo da casa de seus pais e se mudando para Beaufort na Carolina do Norte. 

Ela mantem um relacionamento sério com Kevin e vem empurrando as coisas com a barriga na esperança de que elas tomem um rumo diferente, um próximo passo no relacionamento. Entretanto, completamente o oposto dela, Kevin não parece querer as mesmas coisas que sua namorada, que por hora está mais interessado nos negócios da empresa de seu pai. 

Com isso Gabby estava começando a se sentir sozinha e de uma forma repentina, tudo muda ao descobrir que sua cadela Molly estava grávida. Óbvio que ela não pensa duas vezes antes de acusar o cachorro do vizinho por engravidar sua cadela, afinal de contas ela não sabia de ninguém por perto que tivesse um cão, o que a leva direto para Travis, que é o dono do cachorro.


A atração entre ambos é imediata, Travis é um cara bonito, solteiro e o melhor de tudo, veterinário, mas esse último ela só vai descobrir um pouco mais para frente.

Logo eles ficam amigos, por insistência dele é claro e ela não para de falar que tem namorado toda vez que estão juntos,  usando isso como uma forma de se esquivar do sentimento que está começando a desenvolver por Travis. O problema é que quando ela se da conta disso já é tarde demais.

Assim como nos outros títulos do autor, "A Escolha" tem uma boa carga de drama capaz de fazer muitos leitores se emocionarem, confesso que fiquei com medo de algo ruim acontecer com esses dois, muitas foram as vezes em que fiquei com o coração na mão, mas é uma agonia que logo passa conforme vamos lendo.


O livro é narrado em terceira pessoa e traz uma narrativa leve e descontraída, fluindo desde o primeiro momento de leitura. O trabalho de diagramação da editora está ótimo e mesmo não sendo muito fã de capas com modelos ou atores na capa, dessa eu gostei e achei que encaixou bem na história.

"A Escolha" é de longe o meu livro preferido do Nicholas Sparks, não que eu tenha lido muitos livros do autor, mas é que esse me deu uma pequena esperança de que as histórias dele podem ser diferentes e necessariamente ninguém precisa morrer no final. E sim, eu quero muito ler outros deles agora.

Não há como não indicar o livro para quem gosta de romance, é uma leitura quase que obrigatória, sem falar que o final os deixa suspirando de forma completamente apaixonada ansiando por mais.


Esse livro foi uma cortesia da editora.

Beijos!

8 comentários:

  1. Confesso que eu gostava mais da outra capa deste livro, esta nova não me agradou muito.

    Estou numa fase que não quero ler livros do autor, apesar de ter dois em casa que não foram lidos ainda.

    ResponderExcluir
  2. já li alguns do Nicholas Sparks, mas acho todos muito parecidos, o enredo parece ser o mesmo

    ResponderExcluir
  3. Tenho um certo receio em ler os livros do autor,por saber que o final não é como desejávamos.
    Parece que sua opinião é bem parecida com a minha.:)
    Mas como você nos contou,esse livro foge um pouco da escrita habitual do autor.E por essa razão fiquei com vontade de conferir esse romance.
    Só o que me deixou incomodada foi o fato da personagem se envolver com o vizinho,ainda tendo outro relacionamento.

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não li este livro, mas já li vários outros livros do Nicholas e achei todos perfeito, pretendo ler em breve este, e como uma eterna apaixonada por romances e pelo Nicholas mais ainda, sei que vou me emocionar, de todos o livros dele que li não teve um em que não me emocionei. E o que me faz amar cada vez mais ele é a forma e a sensibilidade com que ele escreve, e saber que algumas histórias podem sim acontecer na vida real. Agora esse livro tem outra capa não tem? Eu achei a outra mais bonita!

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Faz um tempo que peguei meu primeiro livro do Nicholas Sparks para ler, mas o final foi tão triste, tão triste que revoltei e até hoje não li mais nada do autor e nem assistir aos filmes, mas lendo a resenha e vendo que e diferente do que o autor escreve geralmente me animou a dar mais uma chance ao autor !!

    ResponderExcluir
  6. Oi,
    Nunca li nada do autor pelo mesmo motivo que você não gostava dele, ele mata o personagem sempre! Isso me desmotiva muito pois,pra mim, será sempre a mesma estória.
    Mas como esse livro te surpreendeu talvez eu dê uma chance!

    ResponderExcluir
  7. Eu sou muito fã dos livros do Sparks, na verdade foi ele que me iniciou na leitura de romances. Nunca mais li nada, depois dessa resenha quero ler esse agora! Ótima premissa, capa incrível. Será que vai ter filme??? Amooooo

    ResponderExcluir
  8. Eu sou muito fã dos livros do Sparks, na verdade foi ele que me iniciou na leitura de romances. Nunca mais li nada dele, depois dessa resenha quero ler esse agora! Ótima premissa, capa incrível. Será que vai ter filme??? Amooooo

    ResponderExcluir

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!