[Resenha] Apenas Um Ano - @Novo_Conceito

30 julho 2015

Nome: Apenas Um Ano
Autora: Gayle Forman
Páginas: 352
ISBN: 9788581636719
Editora: Novo Conceito
Ano de Lançamento: 2015
Comprar: Submarino, Americanas, Saraiva

Em Apenas um Dia, os momentos de paixão entre Allyson e Willem foram interrompidos de maneira abrupta, lançando a jovem em um abismo de questionamentos e dor. Agora a história é contada pela voz de Willem. Sem saber exatamente o que o atraiu na garota de olhos grandes e jeito comportado, o rapaz inicia uma busca obsessiva por pistas que levem até a sua Lulu mesmo sem saber sequer o seu nome verdadeiro. Enquanto tenta compreender o mistério que os separou, Willem se esforça para costurar relacionamentos desgastados e procura respostas para o futuro. Mais do que uma aventura de verão, o encontro em Paris significou para ele o início da vida adulta.

Depois de ter abandonado Allyson, sem nenhum motivo aparente, em Paris, Willem tem a sua chance de esclarecer o que realmente aconteceu, juntando todas as pontas soltas que ficaram em "Apenas Um Dia", e vemos que o passeio para Paris não mudou apenas a vida da garota.


Ele acorda em um hospital, todo quebrado e machucado, sem lembrar, ao certo, o que aconteceu, apenas se lembra de uma garota chamada Lulu. Os médicos afirmam que, em pouco tempo sua memória ficará boa novamente, quando isso acontece, ele vai procurar a garota em vários lugares em que se lembra de ter passado com ela, porém não a encontra, e volta para sua casa na Holanda.

Willem não tem mais vontade de sair com nenhuma garota (mas mesmo assim fica com algumas), e passa todos os dias pensando em Lulu, até que seus amigos o incentivam a ir em busca dela novamente, e em meio esta grande busca, conhecemos mais sobre o passado do protagonista, sua relação com sua mãe, e vemos a sua carreira como ator evoluindo.

Neste livro vamos descobrir o motivo de Willem ser um garoto perdido no mundo, que viaja bastante, e nunca quer voltar para sua casa, o porquê de ele se afastar de sua família, e a sua complexa relação com sua mãe. Ele precisa se amadurecer, se reencontrar, e esse amadurecimento dos personagens, eu posso dizer que, seja uma característica da escrita de Gayle Forman.


O amor é necessário para a construção da história, mas não é isso que a envolve. Ficamos muito mais focados no desenrolar da trama do que no romance entre Willem e Allyson, pois isso só começa a ter um destaque maior nos últimos capítulos. E cada coisa que o leitor descobre sobre o passado de Willem, vai formando um quebra-cabeça em sua mente, o que o faz a história não ficar massante e que a leitura flua.

A autora fez com que a perspectiva de Willem fosse mais clara e sem muito detalhes "poéticos" que a de Allyson, fez com que todos os personagens secundários tivessem extrema importância para o desenrolar da história, e ela conseguiu juntar os acontecimentos do segundo com o primeiro livro, fazendo com que o leitor ligasse os "pontos" e percebesse que eles estavam perto algumas vezes e não se encontraram.


Cheio de reflexões profundas, Gayle Forman mostra para seus leitores que para amar outra pessoa, tem que amar a si próprio, e que os sentimentos, como medo, mágoa, insegurança, interfere nas nossas escolhas, sejam elas negativas ou positivas.

Temos um "companion" para a série chamado de "Just One Year" (em tradução literal: Apenas Um Ano), um conto que vai falar da relação dos protagonistas depois dos acontecimentos dos dois primeiros livros, espero que a Novo Conceito possa publicar logo ele aqui no Brasil.

O Livro está mais do que recomendado, principalmente para quem quer uma leitura rápida, envolvente e cativante, eu prometo que vocês vão se encantar com os personagens, e não vão querer parar de ler.


Este livro foi uma cortesia da editora.


8 comentários:

  1. tinha várias expectativas com a história e algumas não foram supridas, no geral eu esperava por mais emoção neste livro
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro os livro da Gayle Forman. Li Se Eu Ficar e Para Onde Ela Foi e amei. Tenho Apenas Um Dia, mas ainda não consegui ler. Mas tenho certeza que é tão bom quanto.
    E com a sua resenha do segundo livro, fiquei ainda mais ansiosa!!!
    Bjss!

    www.umolhardeestrangeiro.blogpot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Essa é a primeira resenha que leio de Apenas um Ano e confesso que não curti muito. Eu queria muito ler Apenas um Dia, mas já mudei de ideia por causa do enredo da sequência. Achei meio meloso demais para o meu estado atual rsrsrs

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito desse livro,nunca li Se eu Ficar nem para Onde ela foi,da mesma autora
    Amanhã irei comprar ele só pela sua resenha!
    Super Beijo *mais uma inscrita no blog* sz
    www.leitoradecarteirinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Nunca li nada da Gayle, morria de vontade, mas acabei desistindo. Acho que as pessoas tem uma relação de amor e ódio com os livros dela, mas de forma equilibrada, sabe? Nunca consigo definir se vale ou não a pena :/

    Beijos,
    Gabi - Vida de Bookaholic

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bom, Jorge?
    Que bom que tu gostou da história, assim fico mais animada a lê-la. Só não li ainda porque também não apenas um dia, espero poder fazer isso logo. Beijos,
    http://www.entreleitores.com/

    ResponderExcluir
  7. Ola Jorge eu tenho o pé atrás com as continuações da Gayle, em Se eu ficar não gostei da continuação, e pelo visto nessa trilogia, vou esperar ser lançamento o outro livro, acredito que o segundo livro deva ser o reencontro dos dois e não a visão dele. Isso meio que me frusta um pouco. abraços

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  8. Preciso ler Se Eu Ficar dessa autora ainda, gostei muito do filme e comprei o livro. Essa outra obra dela parece ser ainda mais interessante. :)


    http://legadodaspalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!