19 janeiro 2012

Ver

Ver


Ver-te
Encontrar-te
Descobrir-te
Entender-me

Tudo por um fio
Balde de agua fria
Lábios quentes
Vontades urgentes

Tantos sentimentos
Flutuam neste mar
E não sei a que porto chegar
Mas sigo sem saber

Não entendo
Sem racionalizar o momento

Sinto mas ja não basta
Algo partiu o encanto

A libido permanece intacta
A realidade não é tão perfeita
O destino cruel e impiedoso
No momento certo cheguei
E talvez não queira mais ficar

Escrito por Fabi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!